Want to keep learning?

This content is taken from the University of Dundee & BSAC's online course, Stewardship de Antimicrobianos: Gerenciamento da Resistência Antimicrobiana. Join the course to learn more.

Sistemas informatizados para auxiliar a tomada de decisões

Neste vídeo, Dr Benedikt Huttner discute como as informações devem ser mantidas em sistemas informatizados para auxiliar na tomada de decisões.

Assista ao vídeo e leia o resumo do artigo de Nachtigall et al e considere as seguintes questões:

  1. Quais são as vantagens do sistema descrito?

  2. Quais são suas limitações?

  3. Quais seriam os obstáculos para a implementação do sistema em seu ambiente?

  4. Como você acha que o sistema poderia ser melhorado?

O artigo completo contém capturas de tela do CDSS (computer decision support system) que são omitidas deste resumo.

Efeito a longo prazo do suporte de decisão assistido por computador para tratamento antibiótico em pacientes gravemente enfermos: um estudo de coorte prospectivo “antes / depois” or Nachtigall e cols.

… Uma CDSS para terapia antibiótica foi concebida como uma ferramenta para: fornecer aos clínicos informações essenciais baseadas em diretrizes sobre o tratamento de infecções, uso de agentes antibióticos e diagnósticos microbiológicos na UTI. O CDSS pode ser acessado de todos os computadores do hospital, incluindo todos os computadores usados ​​para documentar arquivos eletrônicos de pacientes. O CDSS contém algoritmos e caminhos para a maioria das infecções que ocorrem em pacientes em UTIs cirúrgicas. Para cada infecção incluída no CDSS, existe um algoritmo principal de cinco etapas. Esse algoritmo leva o usuário à primeira interface para reavaliar os sinais de infecção e concluir se o diagnóstico de uma infecção é plausível. Em seguida, o usuário é guiado para uma página onde o foco suspeito de infecção deve ser identificado. Depois, há uma solicitação para diagnósticos diferenciais e especificações de foco, seguida por uma quarta página mostrando os procedimentos de diagnóstico necessários para o foco específico. Na quinta etapa, há uma página onde são feitas sugestões para a terapia empírica (compare a figura 1A). Além disso, o CDSS inclui links para referências e bases de informações com foco nas infecções abordadas e também aponta as ferramentas necessárias, por exemplo, cálculo do clearance de creatinina. Padrões de resistência local de patógenos bacterianos foram incluídos para cada ala do estudo (compare figura 1B-C). Cada algoritmo foi desenvolvido por uma equipe multidisciplinar de UTI, especialistas nas áreas de microbiologia, doenças infecciosas, cirurgia, farmacologia e outros especialistas para cada foco dos algoritmos. A equipe também incluiu profissionais prestadores de atendimento de primeira linha e aqueles com menos experiência profissional (residentes e estudantes de medicina).

O CDSS também contém uma seção para patógenos bacterianos e seu tratamento direcionado (compare figura 1B). Em pacientes com identificação de patógenos microbiológicos, o CDSS pode ser também usado para guiar a escolha da antibioticoterapia direcionada. Em resumo, o programa foi inicialmente desenvolvido para apoiar a antibioticoterapia empírica, mas também abordou estratégias de descalonamento e antibioticoterapia direcionada quando os patógenos foram identificados em diagnósticos microbiológicos. O programa também incorpora aspectos educacionais com ferramentas e evidências da literatura médica atual para apoiar as recomendações dadas. Depois que o programa foi concluído e liberado, ele foi introduzido em todas as UTIs do departamento, dando a todos os membros das equipes a oportunidade de serem treinados nos aplicativos. O programa incluiu um link de contato para se comunicar com a equipe responsável pela elaboração do CDSS. Além disso, um médico fornece suporte telefônico. Todas as questões foram imediatamente discutidas na equipe e, se consideradas relevantes, são incorporadas aos caminhos de decisão. Um médico em tempo integral foi responsável por mudar o programa, por exemplo, se novas drogas estivessem disponíveis ou se a resistência local atualizada estivesse disponível durante o estudo.

Share this video:

This video is from the free online course:

Stewardship de Antimicrobianos: Gerenciamento da Resistência Antimicrobiana

University of Dundee